sábado, outubro 30, 2010

Michael Madsen fala sobre FEDERAL

5 comentários:

Felipe M. Guerra disse...

Vi FEDERAL ontem. Cheio de problemas, mas ainda assim um filme policial interessante, com umas boas surpresas. Escrevi sobre ele no meu blog. Acho que vale o ingresso.

pseudo-autor disse...

A declaração que ele deu falando que o Tarantino precisa tomar cuidado com as pressões de estúdio (ele seria o Tenente Aldo Raine e não Brad Pitt) eu achei importante. Quando é que esse jogo de cartas marcadas em Hollywood vai dar um basta?

Cultura na web:
http://culturaexmachina.blogspot.com

Osvaldo Neto disse...

Roberto, tudo indica que isso nunca deve parar...

Felipe, lerei seu texto depois de ver o filme, mas já estou ciente que a chamada crítica especializada do nosso país infelizmente tem visto ele como um 'sub-Tropa', o que para mim não passa de babaquice, já que o cinema policial em si - assim como qualquer gênero - tem as suas próprias convenções. Espero que FEDERAL faça bem e que venham mais e mais filmes brasileiros de gênero aos cinemas.

hqsubversiva disse...

Sabe, às vezes fico imaginando como deve ser trabalhoso e, ao mesmo tempo, animal dirigir um filme. Não á toa ainda quero fazer um, é tipo daqueles objetivos de vida inalcançáveis... mas enfim, o que eu queria dizer é: já imaginou que animal poder dirigir o Michael Madsen? Tudo bem, ele não é o melhor ator de todos os tempos, mas o cara tem uma puta presença na tela, e já trabalhou com caras fodas - como o Tarantino. Que louco, né!

raul disse...

Muito trash este filme! Mas é muito divertido também. Parece obra do Ed Wood e merece estar no posto das inúmeras obras que foram expostas no blog. Parece aqueles filmes policiais italianos sem dinheiro feito nos anos 80!!!