sexta-feira, novembro 21, 2008

Janela Internacional de Cinema anuncia premiados

JÚRI OFICIAL

COMPETIÇÃO BRASILEIRA
Melhor Filme: "OS SAPATOS DE ARISTEU", de Luiz René Guerra
Melhor Imagem foi dividido entre "FRACASSO" de Alberto Labuto e "ISMAR" de Gustavo Beck
Melhor Som: "AREIA", de Caetano Gotardo
Melhor montagem: A PSICOSE DE VALTER, de Eduardo Kishimoto
Menção Honrosa Filme de afeto: CANOSA ONE, de Fellipe Gamarano Barbosa
Menção Honrosa Filme Manifesto: Longa Vida Ao Cinema Cearense, dos Irmãos Pretti
Menção Honrosa Filme Presença: Convite para Jantar com o Camarada Stalin, de Ricardo Alves Júnior

COMPETIÇÃO INTERNACIONAL
Melhor filme: “AHENDU NDE SAPUKAI – OUÇO SEU GRITO”, de Pablo Lamar
Melhor imagem: “TWIST”, de Alexia Walther
Melhor som: “AHENDU NDE SAPUKAI – OUçO SEU GRITO”, de Pablo Lamar
Melhor montagem: “VIVA”, de Louise Botkay Courcier

JÚRI DO JANELA CRÍTICA

COMPETITIVA BRASILEIRA
JARRO DE PEIXES, de Salomão Santana

"Premiamos Jarro de Peixes em um gesto político, reconhecendo sua capacidade propositiva, que estimula um outro tipo de experiência com a imagem, com a memória e com a realização de cinema".

COMPETITIVA INTERNACIONAL
prêmio conjunto para dois filmes:
PUPPETBOY e A HISTÓRIA DO PEQUENO PUPPETBOY, de Johannes Nyholm

"A curadoria do Janela não conseguiu se decidir entre os dois filmes de Johannes Nyholm e selecionou ambos. Aconteceu o mesmo com o júri do Janela Crítica, por isso decidimos premiar o conjunto da obra sobre o personagem Puppetboy. Uma das propostas do festival era discutir a imagem. Puppetboy faz exatamente isso, com peculiar senso de humor".

JÚRI FEPEC
Competição Brasileira: Menino Aranha, de Mariana Lacerda
Competição Internacional: Procrastination, de Johnny Kelly

JÚRI ABD
Competição Brasileira: ISMAR, de Gustavo Beck
Competição Internacional: THREE OF US, de Umesh Kulkarni

PRÊMIO PORTA CURTAS
PRIARA JO, DO OVO A GUERRA, de Komoi Panará

PRÊMIO AGORA CURTA
Menino Aranha, de Mariana Lacerda

Nenhum comentário: